Anúncios

Anúncios

cartão de crédito foi negado
Fonte: freepik

Uma coisa é certa: ver que negaram o pedido de cartão de crédito pode gerar muitas dúvidas. Neste texto, você entenderá quais são os principais pontos da análise de crédito, o que pode estar por trás da resposta negativa, entre outros fatores que acabarão com suas questões.

Anúncios

Para entender porque negaram em conceder o crédito, é preciso observar o que é levado em consideração para que isso ocorra na administradora. No geral, o comportamento financeiro é observado para identificar a elegibilidade de um cliente, abrangendo fatores como movimentações do mercado e avaliação de riscos.

Juntos, esses fatores estão associados com o score de crédito, a pontuação que representa as chances de um consumidor pagar suas despesas corretamente. Por isso, essa métrica é usada por diversas instituições por meio de empresas que são autorizadas pelo Banco Central a realizarem esse tipo de análise, como o SPC Brasil e o Serasa.

Saber dessas informações pode contribuir não apenas com um alcance de um cartão de crédito, como também com a potencialização do uso. Portanto, usado de modo adequado esse recurso torna-se um grande aliado, com vantagens como as seguintes:

  • Possibilidade de centralizar gastos;
  • Praticidade na administração de operações e pagamentos;
  • Alívio de fluxo de caixa;
  • Programas de benefícios das instituições financeiras.

Sem dúvidas, é um item que faz a diferença em muitos casos. O que pode estar por trás da resposta negativa da sua solicitação do cartão de crédito? Veja a seguir alguns dos principais motivos:

Comportamento financeiro inadequado

cartão de crédito foi negado
Fonte: freepik

Há quem não tenha cautela nas aquisições e gaste mais do que o estipulado ou do que seria adequado para o orçamento.

Lembra do que foi apresentado sobre a análise do comportamento do consumidor no começo do texto?

Nesse cenário, não ter controle de sua vida financeira reflete de modo significativo nas movimentações realizadas na conta corrente e no mercado como um todo. Como o cartão de crédito está atrelado a ela, esse pode ser um fator que dificulta a concessão.

Dessa maneira, é válido evitar situações como ficar com a conta negativa, faturas atrasadas, usar o rotativo, entre outros indicadores que te apontem como um cliente de alto risco para esse cenário.

O planejamento tem forte impacto, por isso, para quem busca o aumento e quer melhorar sua relação com a instituição financeira, lembre-se que não são só os fatores a curto prazo que devem ser observados, como também a médio e a longo.

Junta-se a esse contexto o fato de que nem sempre os comportamentos financeiros inadequados estão ligados com ações próprias, mas ao fato de empréstimo do nome para pessoas que não cumprem os prazos e valores acertados.

Sendo assim, é preciso ter cautela ao emprestar o nome e assumir contas de consumo, como água e luz que, de fato, estejam sob sua responsabilidade para não prejudicar sua pontuação no sistema de crédito.

Renda insuficiente

No momento de solicitar um cartão de crédito, seja pela internet ou em uma agência, diversos dados devem ser preenchidos. Um deles está associado com a sua renda e nesse ponto, é fundamental ter consciência no quesito de “renda mínima” do cartão escolhido.

Afinal, o valor requisitado para as mais variadas alternativas de cartões de crédito nacionais e internacionais são distintos. Deve-se considerar também o mercado cada vez mais abrangente com o surgimento de bancos digitais e soluções que visam atender os mais diversos clientes.

É recorrente que cartões nacionais possuam uma renda mínima exigida menor, assim como nos bancos digitais, o que tem impacto no limite liberado que, em alguns casos, pode ser baixo.

Por isso, é válido observar quais são os requisitos em cada caso e se a renda pode ser a razão para ter o seu pedido negado.

Dados desatualizados

Você sabia que informações incorretas e/ou desatualizadas também podem ser uma das causas para ter o cartão de crédito negado? Especialmente quando trata-se da renda, manter os dados em dia faz toda a diferença.

Afinal, todas as suas informações fornecidas serão verificadas ao realizar a solicitação do cartão e por isso, seja na hora de atualizar seja para preencher o cadastro, é preciso que exista atenção para evitar frustrações.

Por essa razão, vale lembrar que atualizar e atestar a sua renda todo ano é importante ou quando for solicitado pela instituição financeira. É uma maneira de transmitir uma maior segurança.

Além desses fatores, é importante lembrar que cada instituição financeira tem suas normas em relação a emissão de cartões de crédito e aumento do limite, principalmente ao tratar-se dos valores liberados e facilidades.

De qualquer forma, na maioria das vezes pode haver a necessidade de aguardar, respeitando um período para pedir novamente o cartão.

Quanto à solicitação, é muito comum que muitas das instituições já apresentem sistemas práticos para que o processo seja feito rapidamente online.