Anúncios

Anúncios

small caps
Fonte: Freepik

A princípio, para alguns pode soar contraditório dizer que pequenas empresas podem ser um grande atrativo quando se trata de investir. No entanto, as chamadas small caps, que condizem com as companhias com baixa capitalização na Bolsa de Valores, podem ser uma parte importante da carteira de investimentos.

Anúncios

Ao longo do texto, você poderá entender os motivos para que essas pequenas companhias sejam um grande atrativo para a estratégia de diversos perfis de investidores. Não deixe de conferir os principais aspectos, inclusive os riscos.

O que são small caps?

Em primeiro lugar, para garantir uma melhor compreensão, vale a pena citar o conceito de capitalização. Isso porque quando se fala em small caps, conforme citado, tratam-se das companhias com menor capitalização. Todavia, isso é em relação às empresas listadas na bolsa de valores, ou seja, contam com um valor de mercado inferior no que diz respeito a outras organizações.

Além disso, é fundamental ter consciência de que a classificação ainda é alvo de debates. Sendo assim, é possível encontrar diferentes valores de mercado em relação às small caps, desde especialistas que apontam que se tratam de empresas de US$300 milhões e US$2 bilhões, assim como aqueles que indicam que são as companhias que chegam até US$1 bilhão.

Nessa mesma linha, uma importante associação neste meio, a Anbima, (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais), aponta que, as empresas que não constam no grupo de 25 maiores do Índice Ibovespa podem contar com a classificação de small cap.

É indispensável que os investidores tenham consciência de tal variação, em especial, na hora de pesquisar para que uma decisão exista. Em meio aos recursos que podem ter uso neste cenário, está o índice SMLL, mais precisamente, o Índice Small Cap B3. Nele, a média de desempenho de empresas deste tipo pode ser verificada, sendo constituído por empresas desta bolsa.

Quais são as vantagens de investir em small caps?

Em primeiro lugar, o grande atrativo ao se tratar dos investimentos em uma small cap se trata do potencial de valorização. Isso porque essas corporações contam com um caminho interessante a ser traçado. Isso não significa necessariamente que seja uma empresa que está no começo.

Basta pensar que, empresas renomadas no mercado hoje em dia, já foram small caps, esse é o caso da Magazine Luiza e de muitas outras. Não significa algo sem riscos, muito pelo contrário, pois um longo processo pode ser necessário de enfrentar.

Desse modo, se pode dizer que podem ser tão positivas para o retorno dos investidores quanto as “grandes” empresas.  No entanto, para que, de fato, as vantagens tenham alcance na hora de fazer as aplicações, é preciso pesquisar minuciosamente a respeito.

Além disso, uma vez que, no geral, não são relativamente muito visadas, podem ter distorções diante de preço e valor real. É algo que tem grande relação com uma das lições de Warren Buffett a respeito de investimentos, em que melhores oportunidades podem existir em companhias que representam muito mais do que o valor que possuem em determinados momentos.

small caps
Fonte: Freepik

Descubra o principal risco dessa forma de investimento

Por um lado, de fato, é preciso considerar que são grandes oportunidades para diversos investidores, em especial, pelo potencial para crescimento. Por outro, é fundamental analisar os riscos. Afinal, quando se trata de investir, os cenários precisam ser analisados da forma mais precisa possível.

Nesse ponto, o que pode representar um grande risco para determinadas estratégias, é a liquidez. Esse fator diz respeito à facilidade para a venda das ações. Uma vez que podem contar com um volume menor de negociações, há chances de menor liquidez. Além disso, caso encontre um comprador, é provável que seja em um cenário em que a venda ocorra por um valor menor do que deseja.

Uma das principais formas de lidar com isso, é basicamente um passo crucial para qualquer tipo de investimento, a pesquisa sobre a empresa e o segmento de atuação. Isso porque dessa forma será possível ter um entendimento maior sobre o destino do dinheiro.

Somam-se aos riscos outros pontos, como a incerteza do crescimento e as dificuldades de análise que às vezes podem surgir, de acordo com as empresas em questão. Não se esqueça de sempre contar com dados confiáveis.

Formas de investir em small caps

Agora que você já conhece diferentes pontos a respeito das small caps, vale citar que existem diferentes caminhos para quem deseja investir nessas corporações. No mercado financeiro, é possível apostar em fundos de índice (ETFs) que replicam a carteira teórica de ações SMLL.

Além disso, há ações small caps que podem ser encontradas na B3, a bolsa de valores brasileira. O procedimento é o mesmo da compra das demais ações. Uma terceira alternativa são os fundos de investimentos, em que um gestor é responsável pelo direcionamento do dinheiro dos acionistas. De qualquer forma, é crucial ter sempre muita cautela e contar com corretoras de confiança, juntamente com um estudo a respeito dessa estratégia.

Afinal, é preciso que investir em small caps faça sentido para o seu perfil. Caso contrário, pode tornar-se algo frustrante e com lucros muito inferiores do que o esperado. Há inclusive, corretoras que contam com carteiras recomendadas e que podem contribuir ainda mais com seus clientes.