Anúncios

Anúncios

meu pag virou will bank
Fonte: Will Bank

O mercado financeiro passa por mudanças constantes em prol de melhorias, decisões estratégicas, entre outros motivos. Nos últimos meses, em meio a tais movimentações, o meu pag virou will Bank e, no texto a seguir, você poderá compreender os principais aspectos da alteração do nome.

Anúncios

De acordo com Felipe Félix, CEO do will Bank, a alteração caracteriza um novo ponto da empresa e de seu passo como um banco digital. Ele aponta que, este banco surgiu em prol da adaptação das necessidades das pessoas, fazendo com que a relação com o dinheiro seja cada vez mais diferente.

De forma geral, com a mudança, os clientes do Meu pag! não terão grandes impactos e podem fazer suas compras, controlar o cartão de crédito por meio do aplicativo, entre outras ações, com tranquilidade.  

Sobre o will Bank

No mercado desde 2017, o will Bank é uma fintech que faz parte do mesmo conglomerado de empresas que o Meu pag!, o banco digital apresenta recursos cruciais como cartão de crédito, cartão virtual, conta digital e contribui com que o dinheiro dos clientes não fique parado.

É interessante reforçar que, uma das principais características de bancos digitais é levar facilidade para seus clientes e essa é uma premissa presente também na atuação do will Bank, que tem público predominante na região Nordeste do país.

Além desses dados, conta com isenção de tarifas diversas. Desse modo, muitas opções comumente atendidas no mercado estão disponíveis para os clientes de forma gratuita. Esse é o caso da anuidade, assim como o envio e recebimento de TEDs.

Desse modo e conforme você verá a seguir, os recursos do Meu pag!, que abrangem um controle prático por aplicativo, além de ser um cartão de crédito internacional, poderão ter proveito normalmente. Ou seja, a base de clientes passará a ser will Bank, o que é natural, uma vez que se trata da unificação de marcas.

Por que meu pag virou will Bank?

meu pag virou will bank
Fonte: Freepik

De acordo com a plataforma do will Bank e de acordo com informações anteriores, integram o mesmo grupo de organizações. A premissa é agora que meu pag virou will Bank, dê para proporcionar uma experiência ainda mais única para os clientes, com maior proximidade e tecnologia.

Normalmente, quando ocorre a integração de empresas do meio financeiro, assim como em outras áreas, é muito comum que os clientes de ambas passem a contar com novos serviços. 

Nesse caso, vale notar que, não há uma série de funcionalidades novas, porém, a proposta de melhorias a partir da unificação é um ponto que deve ser considerado. Além disso, agora que o meu pag virou will Bank, os clientes poderão aproveitar o Pix.

Certamente, esse já é um indicativo de melhoria, afinal, o Pix é uma ferramenta de pagamentos que ganhou grande espaço no mercado nos últimos meses por causa da facilidade que promove por ser praticamente instantâneo e agora os clientes podem contar com o recurso.

Já que o meu pag virou will Bank, o que muda no aplicativo e cartão?

No momento, o meu pag virou will Bank, porém, os recursos continuam sendo os mesmos para os clientes. Sendo assim, não há necessidade, por hora, de atualizar o aplicativo ou algo do gênero.

Aliás, quando o momento da transição chegar e as notificações acontecerem, vale reforçar que os recursos serão mantidos. No entanto, a ideia será incorporar melhorias e um aspecto novo nas plataformas, o que já pode ser observado ao acessar.

E, para quem já tem um Meu pag!, o cartão de crédito também pode ter uso normalmente, o que envolve também o limite. Na hora em que for preciso mudar, os clientes serão avisados. Desse modo, basta ficar tranquilo e ter atenção em caso de notificação por parte do will Bank.

De qualquer forma, conforme você conferiu, a partir do ponto em que o meu pag! virou will Bank, continua sendo um recurso com isenção de taxas. Além disso, conta com a bandeira Mastercard, o que garante a aceitação em uma série de locais ao redor do mundo. Já em relação aos encargos e impostos, os clientes se deparam com os que estão atrelados ao parcelamento da fatura, pagamento mínimo, atraso e compras internacionais.

Por fim, se pode citar que a premissa é levar aperfeiçoamentos e avanços para os clientes. Para que, de fato, seja possível aproveitar esses aspectos, principalmente para quem é cliente de um dos dois, uma vez que o meu pag virou will Bank, é indispensável acompanhar as mudanças. 

Afinal, a proposta do banco digital é manter os clientes informados com os canais principais, seja a respeito do aplicativo, cartão ou qualquer informação relevante. Sendo assim, qualquer dúvida sobre a mudança ou outro assunto, não se esqueça de recorrer a um canal oficial e não transmitir informações por WhatsApp ou meios duvidosos.