Anúncios

fraudes de cartão de crédito
Fonte: pixabay

Milhões de brasileiros já foram vítimas de golpes financeiros. Certamente, neste cenário se torna necessário identificar quais são as principais fraudes de cartão de crédito para evitar grandes prejuízos. Afinal, é um dos recursos de maior destaque no dia a dia das pessoas por causa das facilidades que proporciona.

Sem dúvidas, os prejuízos possuem ligação com diferentes questões, desde o dinheiro em si, a frustração até o tempo comprometido. Isso porque, em muitos casos, há uma série de processos que devem ter atendimento para regularizar a situação e evitar danos ao titular do recurso.

Conheça as principais fraudes de cartão de crédito

Existem diferentes golpes quando se trata do cartão de crédito, porém, alguns métodos, mesmo que com algumas variações, ganham grande destaque por causa do número de ocorrências. Conheça a seguir três dessas situações e como lidar com elas.


Anúncios

Phishing

No phishing, links são enviados por mensagens ou e-mails para levar as pessoas para plataformas falsas. Normalmente, os criminosos usam o nome de lojas conhecidas e criam sites e mensagens com estruturas com maior propensão a enganar as pessoas. Aliás, vale observar que é algo que ocorre tanto em relação a estética quanto com promoções tentadoras.

A partir disso, as pessoas podem acabar comprando um produto na plataforma falsa e, no processo, acabam concedendo informações pessoais para os golpistas. Durante a pandemia, com o aumento de compras online, esse tipo de golpe exige um cuidado em dobro.

Nesse ponto, vale a pena citar a importância de nunca inserir informações pessoais e/ou de pagamento em uma plataforma sem checar a página. Na realidade, os cuidados podem começar antes mesmo deste momento, ao observar o remetente da mensagem ou e-mail que recebeu, assim como o link antes de clicar. 


Anúncios

Confirmação de dados

Um outro golpe que ocorre com grande frequência é o contato falso por mensagem ou por telefone. O mais comum é que os golpistas façam o contato por ligação e solicitem informações pessoais. Por esse motivo, esse golpe também é chamado de “falsa central de atendimento”.

No entanto, é importante citar que as instituições financeiras não solicitam dados bancários dessa forma, principalmente, ao se tratar da senha do cartão de crédito. Sendo assim, ao receber esse tipo de contato, é crucial ter muita cautela e evitar transmitir as suas informações.

Golpe do motoboy

Nesse caso, também há uma pessoa que se passa por um funcionário de uma empresa e entra em contato com o cliente, indicando que o cartão de crédito passou por clonagem. Ocorre a solicitação de informações, juntamente com a orientação de que o cliente quebre o cartão ao meio e entregue a um motoboy.


Anúncios

Isso porque ao quebrar no meio, o chip não é comprometido. Logo, o recurso ainda pode ser usado pelos criminosos com os dados obtidos na ligação telefônica. Um sinal de alerta nesse caso, é que as instituições financeiras nunca pedem os cartões de crédito de volta, muito menos realizam a remoção por meio de motoboys ou de qualquer outra forma com os clientes.

Dicas para não sofrer as principais fraudes de cartão de crédito 

fraudes de cartão de crédito
Fonte: freepik

Além de alguns pontos acima, existem outras dicas que podem fazer grande diferença para que você não caia em nenhum golpe financeiro envolvendo cartões de crédito. Em primeiro lugar, ao se tratar de sites e aplicativos onde têm o hábito de comprar ou pretende comprar, não se esqueça de pesquisar sempre as avaliações.

Ainda mais, não apenas no caso dos aplicativos, mas os sistemas no geral, exigem atualizações regulares, com destaque para antes de compras. Isso porque em muitas atualizações recursos de segurança possuem correção ou introdução.


Anúncios

Soma-se a esse cenário o fato de que o roubo de dados pode resultar no teste de compras no nome do titular do cartão sem que suspeitas surjam por parte das empresas. Por isso, é preciso redobrar sempre a segurança das informações por meio do reforço de senhas, sistemas de segurança nos dispositivos usados, entre outros.

Aliás, vale lembrar da necessidade de atualizar-se constantemente em relação aos golpes. Afinal, as tecnologias e, como consequência, soluções disponíveis aos consumidores avançam a cada dia. É algo que se reflete também nos golpes aplicados, logo, buscar conhecimento pode garantir uma maior segurança a partir da identificação das características de tais crimes e meios de se proteger.

Por fim, é importante ter em mente que a proteção financeira deve ser uma das prioridades de todos, não apenas para se prevenir das fraudes de cartões de crédito, mas no geral. Acima de tudo, ter conhecimento de como os produtos e serviços contratados funcionam, assim como o que a instituição financeira da qual é cliente oferece como proteção é indispensável. Não deixe de compartilhar o conteúdo para que mais pessoas possam ter conhecimento de como evitar fraudes.


Anúncios

Anúncios