Anúncios

o cadastro positivo
Fonte: Freepik

Informações a respeito do comportamento dos consumidores possuem grande importância para visualização do histórico e comportamento no geral. Por isso, sistemas como o Cadastro Positivo, que funcionam como banco de informações, possuem um papel fundamental para consulta e consequentemente, outros processos, como a liberação de produtos e serviços financeiros.

Dessa forma, é essencial que os consumidores tenham conhecimento da existência desses sistemas. Afinal, será possível ver ao longo do conteúdo, que o seu impacto vai além do que muitos consumidores podem imaginar.

O que é o Cadastro Positivo?

Conforme se pode perceber pelas informações acima, o Cadastro Positivo condiz a um banco de dados com o comportamento financeiro dos consumidores. O sistema reúne vários dados para constituir o histórico financeiro, como a pontualidade de pagamento de cada um, financiamentos, contas de consumo de serviços essenciais, entre outros. Desse modo, um histórico “positivo” é constituído.

Você sabia que esse sistema já conta com um uso amplo em diversos países? São mais de 70 lugares com uma aplicação bem sucedida. Aqui no Brasil é algo que está em curso desde 2011 e se torna cada vez mais abrangente e preciso.

A respeito da inscrição no Cadastro Positivo, é importante saber que desde o ano de 2019, com a alteração da lei 12.414/2011, a adição passou a ser automática. É algo que se aplica as pessoas jurídicas e físicas que contam com financiamentos, compras a prazo, empréstimos, entre outros processos.

Saiba sobre a consulta de informações no Cadastro positivo

Quando se trata de informações, é normal que exista a preocupação de como serão usadas. Nesse caso, empresas de proteção ao crédito, como o SPC, recebem dados das fontes. Além disso, prestadores de serviços, bancos, entre outros locais, podem acessar as informações.

Caso queira checar os seus dados, saiba que isso também é possível de forma gratuita. Há chances de até mesmo pedir uma revisão. E se, por algum motivo, ache necessário cancelar, a qualquer momento é possível enviar a sua solicitação de maneira formal.

Qual é a sua importância?

É muito provável que você já tenha escutado sobre o poder que as informações possuem. E, nesse cenário, isso se aplica principalmente para análises cada vez mais precisas. Afinal, é algo que contribui com que as empresas possam ou não aprovar produtos ou serviços de um modo mais seguro.

Também representa uma maior segurança para os consumidores, ao evitar que assumam riscos que não podem atender. Além disso, aqueles que possuem posições de “bons pagadores”, podem ter uma facilidade ainda maior na hora de contratar um serviço.

Com isso, vale considerar que empresas, bancos e demais locais que oferecem crédito passam a ter um maior acesso as pessoas. Afinal, se deve considerar também que parte da população não é bancarizada, por mais que atenda uma série de atividades financeiras como o pagamento de contas. 

Isso faz com que as projeções para o Cadastro Positivo ganhem um papel ainda mais interessante por tornar o sistema mais abrangente. É algo que favorece não apenas mais concessões ao crédito, mas a diferentes produtos e serviços, além de quedas de taxas.

Mudanças para o Cadastro Positivo para 2022

o cadastro positivo
Fonte: Freepik

Agora que você já conhece a importância do Cadastro Positivo, como se inscrever, entre outros parâmetros, é possível entender o impacto de que um sistema cada vez mais completo pode fazer. Com isso em mente, vale citar as expectativas para 2022.

Em primeiro lugar, é preciso falar sobre as mudanças dos últimos anos e as previstas do Cadastro Positivo. Há muito tempo, grande parte dos dados girava em torno do meio financeiro, o que começou a mudar em setembro de 2021, com informações de companhias de telecomunicações.

Para se ter ideia do crescimento no número de inscritos no banco de dados, segundo a Associação Nacional de Bureaus de Crédito (ANBC), há 100 milhões nos dias de hoje. Aliás, apenas cerca de 5% desses inscritos correspondem a pessoas jurídicas.

Ainda mais, há a nova fase do Cadastro Positivo. Ela abrange a inclusão de contas de consumo, por exemplo, contas de luz até março deste ano.  No entanto, também existe a expectativa de incluir água, gás, entre outros deste âmbito.

Além de parâmetros nesse sentido, dados a respeito de práticas positivas no sentido ambiental, social e de governança, que recebe a sigla ESG (em inglês, Environmental, social and Corporate Governance) também devem ter adição neste ano.

Dessa forma, se pode observar que a tendência é que se torne ainda mais abrangente e como consequência, que as análises sejam mais precisas. Com isso, vale considerar também que, se por um lado há responsabilidade de cada consumidor acerca da construção de seu histórico financeiro, por outro, os locais podem apresentar diferentes métodos.

Você já sabia de todos esses pontos a respeito do Cadastro Positivo? Ao longo do texto foi possível perceber a sua importância para os consumidores e mercado financeiro no geral. Aproveite para compartilhar esse conteúdo.