Anúncios

nft
Fonte: Freepik

Se você se interessa por investimentos, é muito provável que tenha visto pelo menos uma notícia sobre NFT nos últimos dias. Já apontado pelo dicionário Collin como o “termo do ano de 2021”, condiz com “non-fungible token”, que em tradução seria token não fungível. No entanto, o que isso significa? O que é NFT?

Em primeiro lugar, para um entendimento mais claro, é importante citar que se trata do mesmo universo que tornou possível o surgimento das criptomoedas, como o bitcoin. Por isso, termos como blockchain serão encontrados ao longo do conteúdo.

Além disso, você entenderá um pouco mais sobre a grande explosão recente desse token, com destaque para o mundo das artes e dos jogos.

O que é NFT?

A sigla NFT, conforme você viu, em tradução significa token não-fungível. Em outras palavras, é algo que atesta a propriedade de algo que não pode ocorrer o compartilhamento, substituição ou divisão. No entanto, o que garante que a propriedade é de uma pessoa ou de outra? 

É justamente a mesma tecnologia que está por trás das criptomoedas, a blockchain, em que o registro de cada operação ocorre como um “bloco” de dados. Dessa forma, a rede certifica que determinado NFT pertence a pessoa A ou a B.

Então, um NFT não se assemelha a nenhum outro, uma vez que cada token possui suas propriedades criptografadas. É justamente por isso que a falsificação é inviabilizada. Além disso, vale citar que, embora grande destaque tenha aparecido a respeito de artes e jogos, tais certificados podem ser de ativos digitais ou reais. Logo, os tokens possuem aplicação em diferentes áreas, como em licenciamento de marcas e colecionáveis.

Outro uso interessante e que talvez você não tenha imaginado é na indústria fonográfica. Você sabia que a banda Kings of Leon contou com o lançamento de um álbum com versões em NFT? Nesse caso, haviam vantagens exclusivas, por exemplo, artes, posições melhores nos shows, entre outras possibilidades.

Entenda sobre as artes e os jogos NFT

Um outro grande exemplo sobre o ganho de espaço no mercado dos jogos está no lançamento de uma coleção de NFTs da franquia de jogos Castlevania. A notícia foi dada pela Konami, que em seu anúncio, apontou que a partir do dia 12 de janeiro, itens como artes promocionais serão disponibilizados como NFTs no site OpenSea em comemoração aos 35 anos da franquia.

Soma-se a novidade o fato de que o proprietário também contará com um conteúdo desbloqueável. Aliás, para as operações, os usuários podem usar a criptomoeda Ethereum.

Essa também é uma área em grande expansão, em especial, quando se fala em itens colecionáveis digitais, o que confere destaque para o setor da arte e dos jogos.

Além dessas informações, é importante citar que a plataforma OpenSea, que foi fundada em 2017 e também está ganhando cada vez mais espaço no mercado como um dos principais destinos para negociação de NFTs. 

Como ter um NFT?

nft
Fonte: Freepik

Para ter um NFT é preciso atender alguns passos cruciais, como obter os criptoativos. Para isso, uma conta em uma carteira digital que tenha esse tipo de integração pode ser criada, como da MetaMask. Ou seja, checar a compatibilidade é importante. Atualmente, o Ethereum é a principal moeda usada para criar NFTs. Isso porque no processo uma taxa deve ser paga e ela varia de acordo com a hora e o dia.

A transação bancária deve ser feita para a compra da moeda almejada. A partir desse ponto, será necessário se conectar com uma plataforma de compra e venda de NFTS, como o Rarible ou a OpenSea, sendo essa segunda um marketplace com base na rede Ethereum.

Então, um upload do que se pretende transformar em NFT pode ser feito. O conteúdo se tornará um token único com certificado a partir do blockchain.

Naturalmente, os detalhes dependem de cada plataforma. Por exemplo, na OpenSea, há chances de que algumas partes do conteúdo passem por algum bloqueio e que sejam apresentadas somente a quem adquirir.

Descubra como investir em NFTs

Basicamente, é algo que se assemelha com a compra de um item digital ou físico. No entanto, nesse caso se trata da aquisição de um ativo. Logo, o investidor deve avaliar estrategicamente sua escolha.

Por exemplo, se espera a valorização do ativo de uma arte NFT por causa do aumento da demanda associada à obra ou por causa da notoriedade do artista.

Por fim, é importante acompanhar o NFT e as novidades ao redor do assunto, uma vez que há grande potencial para expansão. É algo que pode abrir muitas portas para diversos segmentos.

O diferencial, conforme se pode observar com as informações ao longo do texto, é a garantia de autenticidade de uma forma prática e segura. Aliás, uma menor burocracia pode estar atrelada tanto em relação à compra quanto à venda e, sem dúvidas, as grandes marcas, investidores e consumidores podem enxergar esse cenário de diversas formas.

Naturalmente, ainda há muitos passos para serem tomados e para se compreender, mas no geral, é um mercado que soa como promissor.