Anúncios

marketing digital para redes sociais
Fonte: Freepik

Tem ideia de quais são as tendências do marketing digital para redes sociais em 2022? A presença das pessoas nas redes sociais é expressiva. Logo, para as empresas, em meio aos esforços de marketing no meio digital, é preciso ter atenção às atualizações constantes para atender as demandas da melhor maneira possível. 

Você verá ao longo do conteúdo que, se por um lado esse ano deve consolidar tendências que já estão em curso, por outro, movimentos mais recentes devem ganhar força. Confira a seguir.

Quais são as tendências do marketing digital para redes sociais em 2022?

As redes sociais se mostram como grandes aliadas com a estratégia de marketing digital das empresas. Tais táticas visam concentrar os esforços nos canais online. Uma vez que as plataformas sociais possuem uma forte presença no dia a dia das pessoas, até mesmo para o consumo, se tornam eficientes para as novas oportunidades de negócios.

Nesse cenário, atualizações constantes são vistas e exigem adaptação das estratégias. A seguir, veja algumas das tendências do marketing digital para redes sociais nesse novo ano:

1) Distribuição de conteúdo por diferentes canais

De acordo com o que foi citado, o marketing digital conta com uma série de canais em que os esforços podem ser concentrados e sem dúvidas, cabe a cada empresa avaliar o que é compatível com a sua estratégia/público. Pode valer a pena para este novo ano apostar em novos canais para a distribuição do conteúdo.

Afinal, o mesmo conteúdo conta com a chance de adaptação e compartilhamento em outros lugares. Então, isso envolve até mesmo onde talvez a presença da marca não seja forte e precise ser trabalhada.

2) Divulgação de conteúdo por meio de vídeos curtos

Mudanças para a incorporação de vídeos curtos em diferentes plataformas foram vistas nos últimos meses, como no Instagram com o Reels. Além do TikTok, que ganhou há mais tempo repercussão com esse modelo de vídeo, as chamadas “histórias” ganham cada vez mais espaço em diferentes locais. 

A expectativa é de que o TikTok continue crescendo. Por mais que seja muito famoso pelas danças, influenciadores e diferentes públicos são cada vez mais atraídos por conteúdos mais práticos e que visam uma absorção mais simples.

Os Stories do Instagram, Youtube Shorts e Kwai também possuem uma posição interessante e crescente. A comunicação desse tipo pode ter alinhamento com a estratégia das marcas para agregar valor a sua voz e engajar ainda mais o público.

3) Ascensão do conteúdo ao vivo no marketing digital para redes sociais

As chamadas lives ficaram famosas, em especial, no período de pandemia por causa do isolamento social, com vários conteúdos, em especial, no Youtube e no Instagram. No entanto, a expectativa é de que o conteúdo ao vivo no geral ganhe cada vez mais espaço no mercado. Isso envolve as salas de bate-papo de áudio, como ocorrem no Clubhouse e no Twitter.

Se deve considerar que esse também é um formato que permite uma conexão mais direta com o público, principalmente porque as discussões podem variar nos formatos. Por exemplo, podem abordar questões atuais, trazer novidades e trabalhar a postura da marca de vários jeitos.

4) Marketing de influência

marketing digital para redes sociais
Fonte: Freepik

Os digitais influencers possuem uma posição de destaque há uns anos, porém, nos últimos, sua atuação têm sido encarada como uma profissão. Hoje em dia, há chances de encontrar até mesmo cursos para exercer essa atividade nas redes sociais.

Uma vez que são capazes de se conectar e engajar o público, representam uma figura de confiança para essa audiência. Logo, o seu papel para as empresas conta como um grande diferencial, especialmente ao considerar a grande busca das pessoas por produtos nas redes sociais.

5) Influenciadores virtuais

Uma maior presença dos influenciadores virtuais é uma das expectativas para o marketing digital para redes sociais em 2022. Esse tipo de influenciador consiste em uma elaboração digital fictícia, por meio de computação gráfica de ponta. Para isso, há o uso de recursos como inteligência artificial, modelagem 3D, entre outras possibilidades.

A Lu da Magalu é um grande exemplo, assim como o CB das Casas Bahia e a Satiko, a personagem virtual da apresentadora Sabrina Sato. Então, vale citar também o impacto desses influenciadores na indústria. Esses perfis prestam suporte de várias formas de diálogo, engajamento e ainda mais, segundo a Forbes e outras fontes, é uma área com movimentação financeira crescente nos últimos anos.

Com isso, se pode perceber que a atenção nos diferentes parâmetros que a produção de conteúdo abrange é indispensável e que há muitas chances para exploração. No entanto, além de ver as tendências do marketing digital para redes sociais em 2022, é crucial identificar o que funciona ou não para a sua empresa.

Para isso, um aspecto que já era muito importante e continua sendo é a coleta de dados. E, com cada vez mais métricas disponíveis, escolher as mais compatíveis com o seu negócio é crucial para tomar as decisões.