Anúncios

Anúncios

Auxílio Emergencial
Fonte: Caixa Econômica Federal / Governo Federal

Agora que já falamos sobre os principais aspectos do benefício, está na hora de descobrir como ter o auxílio emergencial aprovado. Mas antes vale a pena fazer uma ressalva.

Anúncios

Aqueles que já estavam inscritos no Cadastro Único do Governo Federal até o final do mês de março não precisam fazer cadastro. O benefício será creditado de forma automática.

Dessa forma, o cadastro para ter o auxílio emergencial aprovado deve ser feito apenas pelos informais que não estiverem registrados nesse cadastro.

Passo a passo

1.O primeiro passo é acessar o site da Caixa Econômica: auxilio.caixa.gov.br;

2.Depois, clique em “Realize sua solicitação”;

3.Você verá todos os critérios do programa na tela do computador ou do celular;

4.Marque as caixinhas para declarar que você está de acordo com as exigências do programa e que preenche todos os requisitos mencionados;

5.Preencha o formulário com os dados solicitados pelo sistema, como nome, CPF, data de nascimento e o nome da sua mãe. Caso a mãe seja desconhecida, marque o campo correspondente;

6.Marque a caixinha de verificação que indica “não sou um robô” e depois clique em continuar;

7.Informe o seu número de telefone para receber o código de confirmação;

8.Informe o código que você receber no celular e clique em continuar;

9.Complete o seu cadastro completo com as demais informações pessoais exigidas pelo sistema;

10.Escolha de que forma você deseja receber o auxílio emergencial;

11.Confira todas as informações e finalize o seu cadastro, que ficará em análise.

Vale a pena destacar que os que se encontram cadastrados no Cadastro Único do Governo Federal não precisam se inscrever. Basta seguir as etapas iniciais, com o nome, CPF, data de nascimento e nome da mãe.

Para esse público, o pagamento dos valores será automático. Dessa forma, basta acessar o aplicativo para conferir se o dinheiro já está disponível.

Como movimentar o dinheiro

O valor da primeira parcela do auxílio emergencial já foi pago aos trabalhadores. Na ocasião, todos podem movimentar livremente o dinheiro, fazendo saques ou transferências.

Para a segunda e terceira parcela, no entanto, aconteceram algumas mudanças. Agora o dinheiro ficará disponível apenas para uso digital, como pagamento de contas e compra de produtos online.

Quem quiser movimentar o dinheiro poderá fazer isso, mas terá que esperar um pouco. A Caixa divulgou um calendário completo da segunda parcela, com as datas em que o dinheiro estará disponível e datas para saque.

Outra grande mudança foi no meio de pagamento. Na primeira parcela, algumas pessoas puderam escolher receber o dinheiro diretamente em uma conta bancária, como Banco do Brasil.

Agora todos vão receber em uma conta digital da Caixa Econômica, que pode ser acessada pelo celular com o aplicativo Caixa Tem.

Calendário de pagamento

Para conferir o calendário completo de pagamento das parcelas do auxílio emergencial você pode consultar o site da Caixa Econômica Federal.

O pagamento da segunda parcela será realizado de acordo com o mês de nascimento do beneficiário ou final do número do NIS.

Conclusão

Agora que você sabe como ter o auxílio emergencial aprovado, não espere para fazer o seu cadastro e solicitar.

O governo já está pagando a segunda parcela e existe a possibilidade de que o valor seja pago por mais de três vezes.